Terça-feira, 7 de Fevereiro de 2012

 Hoje e devido às novas modernices do Facebook estive a teclar com um primo que já não estamos juntos desde um encontro de família feito em Outubro de 2010.

Estivemos imenso tempo a teclar e foi muito agradavel...ficamos a saber coisas engraçadas um do outro, falamos da familia, dos afastamentos, etc.

Acabei por descobrir que também tem um blog. Contei-lhe sobre o meu antigo blog e no post que tinha feito sobre o encontro da família...prometi-lhe que iria copiar o post e coloca-lo aqui, para que o pudesse ler.

Aqui fica o prometido:

 

 

Resultado da grande aventura de ontem!

 

 

Como vos disse no meu ultimo post, estava muito ansiosa,
pois não sabia como iria correr o dito almoço.

 

Ainda, por cima estava um temporal dos diabos

 

Mas valeu realmente a pena passar por todo o stress.

 

Por incrível que pareça, o pessoal apareceu quase todo a
horas.

 

Sempre que chegava alguém, eu tentava adivinhar quem era.

 

E só agora é que me apercebo que tenho mais primos do que
primas.

 

Os homens estão todos mais gordos e parte das primas não
apareceram, apesar de terem dado a resposta positiva. Porque será?

 

Será que é porque nós mulheres temos mais complexos do que
os homens (estou a referir-me à aparência) e que elas tenham mudado tanto que não
aceitem bem esta mudança?

 

Tirando esse percalço, foi muito emocionante. As
lagrimazitas ainda quiseram romper, também piegas como sou, não e de admirar.

 

As pessoas quando chegavam, colocavam um autocolante com o
nome, se não, seria difícil identifica-las.

 

Não se falou dos conflitos do passado e esse era o meu medo.

 

O primo que teve a ideia inicial, fez uma árvore genealógica
com fotos de toda a família, desde criança até adultos e passou-as num
projector.

 

Claro que essa parte mexeu com as pessoas.

 

Ver fotos dos meus avós, que já faleceram há tantos anos,
foi gratificante.

 

Engraçado, eu nunca tinha visto uma foto do meu pai quando
era pequeno e vê-lo ali foi giríssimo.

 

Estão a imaginar ver fotos com as pessoas vestidas há 70
anos.

 

E eu linda e maravilhosa com o meu sapatinho de verniz,
soquete branco e nini saia! Tinha uns 4 anitos.

 

Claro que para ele fazer esse trabalho, que lhe roubou
muitas horas, a família colaborou. Todos arranjaram fotos diferentes.

 

Também foi uma sobrinha minha que já não via há uns12 anos.
Com o divórcio do meu irmão com a mãe dela deu-se o afastamento e o facto de
viverem longe não facilita.

 

E já que falei do meu irmão tenho de referir que não foi.

 

É uma pessoa com um feitio bem especial, daquelas que acha
que não precisa de ninguém. E quando o convidei, respondeu-me "com deves
imaginar, não me interessa nada essas coisas".

 

Paciência, ele é que ficou a perder. Poderia ver a filha,
que não vê há muitos anos.

 

Tem 22 anos e adorei revê-la e aperceber-me de que tem as
ideias no lugar e com objectivos bem definidos.

 

Foi um dia espectacular e como tal não quero voltar a perder
o contacto da família.

 

Acreditem, tirei um peso de cima!

 

 



publicado por momentosdisparatados às 23:37 | link do post | comentar | favorito

7 comentários:
De Sergio a 8 de Fevereiro de 2012 às 00:45
Eu tinha um dos autocolantes com o nome, acho :)

Boa, Beta. Boa. Expressaste tão bem o que eu senti nesse dia. Obrigado por isso!




De momentosdisparatados a 8 de Fevereiro de 2012 às 10:38
Mas a ti eu reconhecia-te bem, não era necessário o autocolante.
"Raio" temos de meter mão à obra e fazer outro almoço de familia.
Beijinho


De alzheimerdepapie a 8 de Fevereiro de 2012 às 10:04
Olá! Desculpa estar a deixar um comentário que nada tem a ver com o post. Gostaria de saber se me podes responder a uma questão que está no meu blog, acredito que estando tu a trabalhar no ramo, me possas indicar a resposta. Obrigada.
Beijinhos

http://alzheimerdepapie.blogs.sapo.pt/31902.html


De momentosdisparatados a 8 de Fevereiro de 2012 às 14:32
Espero que já tenhas visto o meu comentario e que te possa ser util.
Beijinho


De marta-omeucanto a 8 de Fevereiro de 2012 às 11:16
Eu confesso que, quando há esse tipo de almoços, jantares ou reuniões de família, fico sempre um pouco reticente. A intenção é boa, juntar todos aqueles familiares que nos estão mais próximos com aqueles com quem raramente estamos, por circunstâncias da vida. Alguns estamos ansiosos por ver, outros não fazemos ideia de como são. E depois, há sempre as "ovelhas negras" que não aparecem, dizem que vão e não vão.
O que me incomoda, é que se façam essas reuniões, que naquele momento nos comportemos como uma família, que façamos mil e uma promessas, mas que depois cada um volte à sua vidinha e tudo se esqueça, até que alguém organize outra reunião!
Dá a impressão que só lá foram pousar para a foto.
O que é bom, é que desses encontros resultem verdadeiros reencontros, e que as pessoas possam verdadeiramente retomar relações e contactos daí em diante!


De momentosdisparatados a 8 de Fevereiro de 2012 às 14:35
Tens razão Marta...não há famílias perfeitas e como tal depois do convívio cada um volta para as sua vidinhas.
Mas foi importante porque realmente reatei alguns contactos que não existiam...isso é que importa. Beijinho


De oceanosemfundo a 11 de Fevereiro de 2012 às 18:33
Foi uma ideia fantástica unir a família. Infelizmente nem todas são assim. Muitas só se veem nos casamentos e funerais ( o caso da minha). Mas há que fazer um esforço e dar o primeiro passo.


Comentar post

mais sobre mim
Abril 2016
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30


posts recentes

México - Férias

Depois de quase 2 anos aq...

Férias

Onde estavas com a cabeça...

IRS

Top Páginas - Ontem (11/0...

IRS e os erros

Os nossos governantes têm...

IRS

Vontade de esganar a ciga...

arquivos

Abril 2016

Março 2016

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

tags

2011

2013

a19

abandono

aftas

água

ait

amor

aniversario

aniversário de casamento

aniversario do estaminé

aniversario mãe

anivesário

anivesario

anulação do cartão

arrábida

arrabida

arrendar

artrite reumatóide

aspirina

assalto

assedio

aveiro

avô metralha

banco

batalha

bebés

bijutarias

bipolar

blog

bolinhos

bolo

bookcrossing

bruxo

cabelo

camioneta

campanha

cardiologista

carro

carta

cartão alimentação.

cartão decredito

cartões de credito

casa

cavalete

centro saude

chanel

cheque

cidade

cidade do porto

cigana

cintigrafia

clube da amizade

consulta

deco

destino

divorcios

edp

elaine st. james

electricidade

endoscopia

engano

escapadinhas

exames medicos

ferias

férias

filha

filho

gato

gatos

governo

hospital

idosos

impostos

inspira-me

irs

livros

medicação

medico

medo

milka

mudança

multa

natal

ovelhas

pai

pais

passeio

porto

poupar

republica dominicana

saúde

sinal

sintra

tiróide

trabalho

tunísia

velhotes

vida

vizinhos

todas as tags

favoritos

Vamos, então, por partes

Leilão de eletricidade

Lilica - Cadela solidária

Como fazer novas amizades...

contador de visitas
blogs SAPO
subscrever feeds