Quinta-feira, 10 de Novembro de 2011

Depois de me levantar ainda coloquei os meus neurónios a funcionar, ou melhor tentei mas eles recusaram-se a dar-me ideias para um novo post .

Para quem estava habituada a falar, durante mais de um ano sempre no mesmo tema não é fácil arranjar outro e como tal o tema de hoje é "velhotes".

Por mais que não me apetecesse sair de casa tive de ir às compras.

Por mim ficaria em casa durante todo o outono e inverno.

Já estava a ser atendida, na charcutaria quando chegaram duas velhotas, passado pouco tempo chega outra funcionaria e começa a chamar os numeros e nada de aparecer os respectivos "donos" dos numeros.

A funcionaria já tinha chamado uns 6 quando uma delas diz "eu sou o 45, não acha que está a andar muito rapido?"

A outra velhota num tom de voz autoriatario diz " Olha, isso é que era bom, mas eu sou primeiro, tenho o 44."

A funcionaria apenas olhava para elas e sorria, assim como as restantes pessoas que estavam à espera.

O numero 45 reclamava que ela é que devia de estar atenta, o 44 dizia que ela também não estava atenta. Felizmente eu acabei de ser atendida e as duas funcionarias puderam atender as duas ao mesmo tempo!

Já estava na caixa quando me lembrei de ir buscar uma coca-cola, como tinha duas pessoas à minha frente deixei o meu carro atrás da ultima pessoa e fui buscar o que faltava.

Acreditem que apenas demorei 10 segundos e quando cheguei já tinha um casal de velhotes à minha frente. O que quer dizer que colocaram o meu carro de lado e passaram à frente.

-Desculpem, mas eu estou à vossa frente...

A senhora com voz autoritária disse logo que eu não estava na fila e por isso passou à frente.

- Pois não estava, mas estava o meu carro e ainda tenho duas pessoas á frente.

-Pronto, pronto eu deixo-a passar á frente.

Eu não estava a ouvir bem " deixa-me passar à frente?"

O marido muito calmo dizia-lhe que a tinha avisado que se não estava ninguém com o carro era porque a pessoa tinha ido buscar alguma coisa. Mas a senhora insistia que eu é que tinha falhado e que não me devia ter ausentado, mas que até era simpatica e que não se imprtava de me dar a vez.

-Não, não a senhora não me está a dar vez porque aqui sou eu.

Tenho todo o respeito por pessoas mais velhas, mas quando me tentam "passar a perna" eu fico danada!

 

 


sinto-me

publicado por momentosdisparatados às 23:12 | link do post | comentar | favorito

12 comentários:
De Someone a 10 de Novembro de 2011 às 23:55
Bem, eu também fico danado quando põem cestos na fila, quando as filas são longas e demoradas, enquanto andam a fazer as compras. E, se não estão, passo à frente. Depois, depende da forma como a pessoa justifica a sua ausência.
Certa vez, um casal, estava o senhor na fila da caixa e a senhora, ora ia aqui, ora ia ali, e de cada vez, trazia algo mais. A certa altura, perguntei se não seria melhor levar o carrinho de compras. Respondeu-me torto, que estava ali na fila e que ia buscar o que faltava.
Ponto final na conversa: o seu marido fica na fila com o que tinha no carro e a senhora vai lá para trás com outro carrinho e as suas compras. A senhora berrou, gesticulou mas, como outros que estavam na fila começaram a não lhe dar razão, a senhora teimava em continuar na sua. O marido só lhe dizia: bem te disse, tens a mania...
E a senhora teimava. A certa altura, disse-lhe: nem que a vaca tussa mas, pela sua arrogância e falta de educação para com quem está nesta fila, a senhora não passa à minha frente. À minha frente, apenas o seu marido e só com o que trazia no cesto na altura. Quer que a ajude a tirar as coisas? Claro que um coro de vozes começou a dizer que ela não ia passar e, a senhora, resmungando e enfurecida, lá se decidiu a empurrar o marido lá para o fim da fila, chamando-o de todos os nomes por ele não ter feito finca-pé com ela. Ah, e era um casal já entradote...
Pois, nem tentem comigo. Posso estar mal disposto nesse dia...


De momentosdisparatados a 11 de Novembro de 2011 às 08:08
Sim eu também não gosto quando tenho de ir andando e ir empurrando o cesto dos outros, mas não foi o caso pois fui apenas ao corredor em frente e quando cheguei estavam ainda as duas pessoas à minha frente no mesmo sitio, ou melhor estava mais o outro casal, mas esses por abuso.
Estou aqui a imaginar essa cena que assistiu e estou com um sorriso. Esses situações são a grande maioria das vezes provocadas por velhotes. Como vê eles perseguem-me. Um abraço.


De Rosinda a 11 de Novembro de 2011 às 10:15
Sabes... por acaso foste só buscar a cocacola, mas há pessoas que colocam um cesto com algumas coisas eenquanto fazem o resto das compras, eu também faço o que fez a senhora de idade... lol bem, também já sou meia kota!
Beijinho
Rosinda


De momentosdisparatados a 17 de Novembro de 2011 às 09:04
Essas situações também já as presenciei e não gostei, mas bolas apenas fui buscar uma coisinha e no corredor em frente à caixa. Imagina o tempo que demorei para as mesmas pessoas estarem no mesmo sitio. Bem, à excepção os casal.
Beijinho


De luadoceu a 11 de Novembro de 2011 às 11:35
nao gosto de ser passada a frente
e acredita que quando o tenho de dizer digo,se tiver razao
qto aos cestos,deixados,por me lembrar de algo,ja o fiz,acontece,p n perdermos a vez,acho que todos o fazem
ha pessoas e pessoas
quanto a temas,ha de chegar a ter um sem ser idosos,vais ver
bom fds e bom sao martinho
beijinhos


De momentosdisparatados a 17 de Novembro de 2011 às 09:06
Uma coisa era eu colocar o cesto e ir indo acartando as coisa, mas não foi o caso. Apenas fui buscar uma coisa.
Tudo se resolveu. Beijinho


De golimix a 11 de Novembro de 2011 às 13:07
Taditos dá-lhes para ali! Também já me aconteceram uma ou duas peripécias desse género. A última foi com uma senhora de idade que estava "com,muita, muita pressa", lá a deixamos passar à frente, pois passados +ou- 30 minutos, quando saí, a distinta senhora estava à conversa calmamente com outra senhora! Claro que não resisti a meter-me com ela a brincar, ela entrou na brincadeira e respondeu "Que quer menina? Já sou velhota, dá-me para aqui! Perdoe-me desta vez!"
Que fazer? Dar-lhes o desconto sénior, mas sem muitos abusos!
;)


De momentosdisparatados a 17 de Novembro de 2011 às 09:07
Têm sempre muita apressa, mas no final a pressa já não era nenhuma. Boa semana


De eu ando às voltas a 11 de Novembro de 2011 às 15:53
Os velhos são tramados.
Por acaso não foi com velhos, nem foi bem deixar o carro ou cesto a guardar lugar, mas lembrou-me de certo dia numa fila com várias pessoas na caixa, uma alma errante, com um ou dois produtos na mão, chega-se à frente da fila e pergunta ao primeiro se como só tinha aquilo se podia passar à frente tendo obtido resposta favorável. Como me apanhou num dia acutilante, respondo eu cá atrás, ele pode deixar passar à frente, mas quem lhe disse que podia passar à minha e de todas as outras pessoas que estão atrás.


De momentosdisparatados a 17 de Novembro de 2011 às 09:08
E foi muito bem respondido!
Por vezes temos paciência, mas outras...
Beijinho


De Marta M a 11 de Novembro de 2011 às 20:51
Bem minha amiga, parece que eles te colaram à pele e te acompanham (perseguem?) :)
Gosto desta tua nova casa, mas confesso que gostava muito de acompanhar o teu dia-a-dia pelo outro blog... Nunca foste indiscreta e ainda menos incorrecta..Mas entendo e respeito a tua opção.
Abraço de bom fim de semana amiga.
Marta M


De momentosdisparatados a 17 de Novembro de 2011 às 09:09
Também tenho tantas saudades da antiga. É a vida!
Beijinho


Comentar post

mais sobre mim
Abril 2016
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30


posts recentes

México - Férias

Depois de quase 2 anos aq...

Férias

Onde estavas com a cabeça...

IRS

Top Páginas - Ontem (11/0...

IRS e os erros

Os nossos governantes têm...

IRS

Vontade de esganar a ciga...

arquivos

Abril 2016

Março 2016

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

tags

2011

2013

a19

abandono

aftas

água

ait

amor

aniversario

aniversário de casamento

aniversario do estaminé

aniversario mãe

anivesário

anivesario

anulação do cartão

arrábida

arrabida

arrendar

artrite reumatóide

aspirina

assalto

assedio

aveiro

avô metralha

banco

batalha

bebés

bijutarias

bipolar

blog

bolinhos

bolo

bookcrossing

bruxo

cabelo

camioneta

campanha

cardiologista

carro

carta

cartão alimentação.

cartão decredito

cartões de credito

casa

cavalete

centro saude

chanel

cheque

cidade

cidade do porto

cigana

cintigrafia

clube da amizade

consulta

deco

destino

divorcios

edp

elaine st. james

electricidade

endoscopia

engano

escapadinhas

exames medicos

ferias

férias

filha

filho

gato

gatos

governo

hospital

idosos

impostos

inspira-me

irs

livros

medicação

medico

medo

milka

mudança

multa

natal

ovelhas

pai

pais

passeio

porto

poupar

republica dominicana

saúde

sinal

sintra

tiróide

trabalho

tunísia

velhotes

vida

vizinhos

todas as tags

favoritos

Vamos, então, por partes

Leilão de eletricidade

Lilica - Cadela solidária

Como fazer novas amizades...

contador de visitas
blogs SAPO
subscrever feeds